"Faremos promessas de nos encontrar mais vezes daquele dia em diante. Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a sua vidinha isolada do passado...e nos perderemos no tempo... Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo : não deixes que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de grandes tempestades... Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores...mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos !" - Vinicius de Moraes



terça-feira, 29 de abril de 2014

O amor ainda está aqui

Sim. Ainda está aqui. Tão certo como esse sol que brilha lindo logo ali ao lado no céu, o amor ainda está aqui. Justa e somente por isso: por ser amor e nada diferente. 
Se fosse paixão já teria se ido, ao primeiro nó, ao primeiro cair da lágrima em meio à distância e a saudade. Ao primeiro impedimento de acontecer e de ser. Mas como é amor, ele fica e persevera, porque faz da minha alma algo mais bonito, me colore por dentro e me faz sorrir. 



Ainda é amor e ainda está aqui, justamente por acreditar que pode ser, que vai vingar, que é planta que floresce num jardim aos cuidados do tempo de Deus. Porque é amor e pulsa, aqui tão em mim e me fez enxergar o outro na medida em que ele se apresentou para mim: com suas qualidades e defeitos, sem máscaras, sem subterfúgios, sem receios de ser quem ele realmente é. 



Por ser amor, ainda está aqui bem dentro. E me faz escrever poesia. E me faz sonhar. E me faz mais viva e permanente. O amor não é dissolvido com as agruras da dor e do tempo. O amor enfeita e percebe que é ele por ele mesmo, na sua maior força, na sua completude. Sem egoísmos, sem amarras, o amor deixa com que o outro viva sua realidade, comemore suas novas conquistas, trilhe o seu caminho, para só então realizar e mesmo que ainda não realize-se de forma concreta, o amor se realiza naquilo que se entende por felicidade. Felicidade esta que pode acontecer por empatia.



O amor está aqui todos os dias, para me lembrar de você, para me fazer recordar o teu sorriso, para me fazer viver o que preciso: o desapego. Porque o amor existe por você e para você e sei que mesmo daí você o sente. Sente que é amado, querido e protegido por tamanho amor. Sim, porque o amor envolve. O amor enlaça. O amor é muito mais do que a mente imagina. E eu desejo todo meu amor à você. Hoje e sempre. Do fundo das minhas palavras eu narro como me lembro de ti e como estás aqui, tão em mim, nesse amor mais que profundo. Nesse amor que, a cada segundo, emoldura nossas vidas porque faz, sim, parte da nossa eternidade. 

3 comentários:

Jason Jr. disse...

lindo.

Van disse...

Obrigada, Jason ! Fico feliz que tenha gostado do texto.

Loh LS disse...

Descobri que era amor quando deixei ele ir para que ele pudesse viver em paz. Descobri que era amor quando ele se foi e fiquei feliz pela felicidade dele. Descobri que o amor é quando você larga do outro para evitar problemas para ele, é você sofrer a dor da ausência e de ter tomado a iniciativa do tchau.
Bjoooo sis