"Faremos promessas de nos encontrar mais vezes daquele dia em diante. Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a sua vidinha isolada do passado...e nos perderemos no tempo... Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo : não deixes que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de grandes tempestades... Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores...mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos !" - Vinicius de Moraes



segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Deixando aflorar

Pensei que se tratasse de "energia", mas ao pesquisar a etmologia da palavra em si me deparei com o resultado de que energia , se traduz, basicamente por força da ação ou força em ação, tem algo a ver também com "trabalho, impulso" e não era exatamente esse o significado que eu estava buscando para o que vai se passando aqui dentro por esses dias.


Acontece que sempre que eu recorro aos florais, sejam eles quais forem (Bach, St.Germain, Californianos...), eles me dão essa sensação de intensidade, de aumento das coisas e tudo se torna exageradamente gigante aqui dentro, desde o que é ruim ao que é bom, desde ao que precisa sair e o que precisa ficar... A reação é extremamente diferente de tudo o que costumo sentir, é uma sensação de "aflorar" mesmo, de nascimento, de renovação, transformação... E de pensar que existem pessoas que desconfiam da eficácia dos florais, assim como dos remédios homeopáticos e chegam até mesmo a classificá-los como placebo, o que discordo plenamente. A sutileza com que ambos trabalham em nosso corpo físico, mental e espiritual é tamanha que as transformações são ocorridas a olhos nus , mas a insensibilidade ou inconstância das pessoas não as deixa perceberem essas mudanças que ocorrem, dia após dia, em todos os setores da vida.

Também devo a grande parte dessa mudança, dessa transmutação, ao meu voltar poético, sim ! Porque voltar a escrever minhas poesias foi também um marco de suma importância para que as coisas se reverberassem aqui dentro e eu pusesse todo um universo de intensidades para fora  lá no bloguito só de poesias , que é onde eu não me escondo, não me defendo, não me camuflo e deixo expandir toda e qualquer magnitude que possa querer sair daqui de dentro...e isso também me faz um bem !


Mas voltando a energia , ou seja lá como deva ser chamado isso : sensação, sentimento, transbordamento... é um sentido enorme de vida que está renascendo aqui dentro e, todos os dias, apesar da rotina e dos caminhos muito bem parecidos uns com os outros no cotidiano das coisas, está se fazendo de um colorido diferenciado, está trazendo um despertar, uma positividade, uma enormidade de sensações benéficas que me fazem a cada dia querer deixar que se transpareça essa força e que se divida com o mundo através de minhas ações e de minhas palavras.

É como se tivesse encontrado um eixo que estava distante, um local perdido, um ponto de referência em meio as esquinas da eternidade que me iluminasse de todo agora e me mostrasse mais claramente o caminho a seguir, a estrada a percorrer... E é como se outras coisas que já faziam parte anteriormente dessa jornada estivessem agora em seus lugares corretos, em suas origens, ajudando ainda mais a direcionar as dimensões a serem alcançadas. É um viajar sem sair do lugar para dentro de si mesmo, podendo captar tudo aquilo de mais intrínseco, de mais pleno e mais profundo que habita o meu ser com o intuito de jogar para fora e atingir todos aqueles que cruzarem meu caminho apenas pelas enxurradas de força, de movimento, de ação e de positividade desse elo que se forma nessas conexões. Não sei nem mesmo se com a singeleza dessas palavras sou capaz de demonstrar o tamanho e a grandeza desse motor que está se movimentando aqui dentro e que está gerando todas essas modificações, todas essas outras forças que pretendem atingir a todos em sua vibração... Mas é algo grande, enorme mesmo...incalculável.


Talvez possamos chamar toda essa energia de vida , ou quem sabe de amor ? Não sei... só o que sei é que é algo realmente grande, intenso e infinito e que quero compartilhar com o mundo a minha volta, quero dividir com meus amigos, quero dividir com minha família e com todas as pessoas que eu amo e ainda com todos aqueles que cruzarem o meu caminho. Quero que essa energia , já que não encontro termo mais adequado, invada plenamente todos os corações e faça desabrochar os melhores sentimentos que possam existir e que toda a humanidade seja aflorada de suas realidades mais perfeitas e mais abundantes que pudermos conhecer em toda nossa existência. É esse o meu desejo para essa segunda-feira, que é um dia que muitos amam e muitos odeiam, mas que é também mais um dia que nos dá a infinita oportunidade de recomeçar...

6 comentários:

O Divã Dellas disse...

O (Re)Começo sempre existe. Se não deu certo, se seguiu o caminho errado, se não está se sentido bem... Sempre há tempo de tentar de novo, de outra forma.
Sejamos felizes. Essa é a razão de tudo.
Muito energia boa, muito contato com o Universo. Muito amor!
Cinthya

Dave disse...

Somos feitos de energia. Por mais que muitos não acreditem e achem loucura isso. Até a ciência vem comprovando que sim. O ser humano tem muita energia dentro de si.

Obrigado pelas visitas. Adoro seus comentários, Van!

Beijo.

dear sarah disse...

Eu recorria a tantas coisas e nunca dava certo, o vazio para mim era constante..
graças a Deus hoje to me encontrando!

bjs linda,
obrigada pelo carinho tambem sinto muito a sua falta.

sua fofa.

Borboleta no Casulo disse...

Já tem uns 2 anos que descobri o poder dos florais em mim adoro e recomendo sempre. Me sinto nem, me sinto energizada!!! rs
Bs amigaaaaa

Will Lukazi disse...

Em resumo : vc é uma Hidrelétrica minha amiga ou quem sabe uma usina nuclear de força. essa sua intensidade manteria um país pekenininho tipo o Brasil aceso por muito e muito tempo....rsrsr....
gosto muito qdo vc faz estes post contando coisa simples suas do dia a dia e que acaba ficando bonito pra caramba da maneira em que narra.


grande bj

Lygia disse...

Escrever sempre renova a alma!