"Faremos promessas de nos encontrar mais vezes daquele dia em diante. Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a sua vidinha isolada do passado...e nos perderemos no tempo... Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo : não deixes que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de grandes tempestades... Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores...mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos !" - Vinicius de Moraes



quarta-feira, 13 de abril de 2011

Falsidades

O mundo hoje anda mesmo complicado. O mundo , não , as pessoas são complicadas. Fica difícil entender certas atitudes , certos papéis que as pessoas utilizam para mascarar seus sentimentos ou mesmo seus ideais , seus valores , suas condutas. Fica complicado acreditar , confiar de verdade.  O ser humano gosta de representar , parece até que isso é uma atitude nata sua em dados momentos . Gosta de se fazer múltiplo em inúmeros papéis dentro daquilo que determinamos de convivência social.


Mas nem sempre esses papéis são sustentados por muito tempo. Nem sempre esses papéis são factíveis , são válidos ou úteis para as mais determinadas e diversas situações e , chega um dado momento em que as máscaras caem realmente e não há muito o que fazer , a não ser evitar a saia justa e sair à francesa para evitar males maiores ou constrangimentos desnecessários.


A falsidade pode ser um Marketing também da pessoa que se veste com aquele papel e sai acreditando mesmo ser assim , daquele jeito. E ela mergulha fundo na arte da apresentação , molda conceitos , articula desejos , elabora sabiamente as palavras e assim sustenta-se pelo mundo a fora. Achando que vai permanecer ali , intacta , atuando , sem que ninguém perceba sua real. Ledo engano. O tempo passa e as situações anteriores não conseguem mais serem sustentadas e , eis que as máscaras vão caindo , uma a uma , delicada e sutilmente e quem era uma vez quando foi sem nunca mesmo ter sido ?


Falsidade é questão de conduta , valor e caráter. A pessoa falsa pode achar que engana a todos , mas , na verdade , a quem mais engana é a si mesmo , por acreditar na ingenuidade das outras pessoas , por achar que nunca será descoberto , nunca será pego em falso. A falsidade deixa suas marcas e essas são inalteráveis porque jamais retrocedem quando se descobre o engano. Ser quem não é apenas para bancar um status social também chega a ser cruel consigo mesmo , pois, custa caro passar uma imagem de si mesmo que não condiz com suas condições financeiras apenas para ser aceito em seu meio social.


Mas não é algo fácil perceber a falsidade porque muitas pessoas trabalham e se esmeram nesse sentido com afinco e dedicação profissional , acima de tudo. Tanto que elas mesmas acreditam naquilo que projetam e divulgam dessa forma exata ! Precisamos observar bem atentamente e , ainda assim , será dificil perceber o errado , dependendo da astúcia do que aplica o Ser Quem Não É... É como no filme VIPS , em que o cara acredita tanto que ele é quem ele é e sustenta aquela verdade de tal forma que todos passam mesmo a acreditar que ele seja ! E assim funciona até onde ele chega , até o limite de onde ele pode chegar.


Não gosto de falsidade e nem de pessoas falsas. Procuro ser quem sou , doa a quem doer , doa até a mim mesma em certos momentos , mas é o que é , fato. Não ficarei construindo ser alguém que não sou só para cumprir determinado papel social. Não mesmo. Sou original , assumo meus erros e minhas irresponsabilidades e assim sigo , feliz e em paz comigo e com minha consciência , sem me preocupar com máscaras se elas cairão ou não porque não há máscara nenhuma , há apenas a minha transparência e integridade de sempre. E assim sigo sem titubear. É preciso ter coragem para ser verdadeiro e agir com falsidade é andar de braços dados com a covardia.

2 comentários:

O Divã Dellas disse...

Algumas pessoas assumem de tal forma uma postura falsa que findam por acreditarem nela como sendo uma verdade. Nesse grau, já temos um desvio, um disturbio, uma doença.
Enfim...
Beijo, minha amiga!
Cinthya

http://odivaadellas.blogspot.com

Juju Balangandan disse...

Ser quem se é, com toda dor e orgulho, ainda é a melhor forma de viver plenamente. Ainda acredito que é possível! Quando deixar de acreditar, acho que não saio mais da cama.

Beijinho com café e bolo, aceita?